Opel Mokka X: na aventura ou na estrada, sempre ligado ao mundo exterior

download-pdf
download-image
download-all
Ter, 10/07/1984 - 10:30


  • ‘Design’ exterior atraente e habitáculo refinado;
  • Tração integral adaptativa;
  • Maioria dos motores cumpre a futura norma Euro 6d-TEMP;
  • Mais tecnologia: faróis AFL de LED e câmara dianteira Opel Eye;
  • Infoentretenimento de topo compatível com Apple CarPlay e Android Auto.

 

O Opel Mokka X pode ser pequeno em comprimento (apenas 4,28 metros) mas este SUV subcompacto da Opel assenta numa base de enorme popularidade. O modelo lançou as fundações da série X da Opel. O sucesso inquestionável no mercado europeu deveu-se a um ‘design’ especialmente atraente, a uma gama de motores modernos, à tecnologia avançada em múltiplas áreas de segurança e conforto, e à conectividade digital com o exterior.

‘Design’: robusto, ousado e refinado

A aparência exterior do Opel Mokka X exibe uma atitude ousada. A frente está alinhada com a mais recente linha de ‘design’ seguida pela Opel, incluindo uma grelha dianteira horizontal em formato de “asa” e a assinatura marcante de “asa dupla” assumida pelas luzes diurnas integradas nos faróis dianteiros. Toda a seção dianteira possui linhas traçadas com precisão e superfícies moldadas com elegância. No conjunto, os desenhadores quiseram dar ao automóvel uma aparência de postura larga e de solidez. O mesmo sucede na traseira, nomeadamente com grupos óticos que também exibem um efeito de luz de dupla “asa” na versão com LED. Por seu turno, os painéis laterais têm as formas elegantes e as linhas vincadas que desde sempre deram ao modelo Mokka o porte atlético tão apreciado por tantas pessoas.

No habitáculo, o tabliê está organizado em secções horizontais. Tem uma apresentação simples e, simultaneamente, sofisticada, graças a uma execução exemplar de desenho e montagem. Na zona central destaca-se um grande ecrã tátil de 7 ou 8 polegadas, consoante a versão da nova geração IntelliLink de infoentretenimento. O desenho elegante sobressai também nesta consola, onde surgem poucas teclas e comandos. Muitos controlos de variadas funções são acedidos a partir de comandos virtuais no ecrã tátil. Este ecrã, nas suas diferentes versões, possui excelente definição ao incorporar nova tecnologia de iluminação clara LCD.

4x4: tração integral adaptativa

O Opel Mokka X está disponível com um sofisticado sistema de tração integral, com controlo eletrónico, que contribuiu decisivamente para dois prémios “All Wheel Drive Car of the Year” na Alemanha. O sistema, que assenta num diferencial multidisco controlado eletronicamente, consegue fazer de forma contínua, e impercetível, a distribuição de binário entre os eixos dianteiro e traseiro, de 100:0 a 50:50, consoante a situação de condução.

Sublinhe-se que o sistema faz o Mokka X funcionar como um puro tração dianteira na maior parte das condições normais de utilização no dia-a-dia, sempre com a economia em mente. A tração integral é ativada automaticamente em situações em que o sistema deteta superfícies escorregadias, ao menor sinal de falta de tração. Dependendo das condições do automóvel e da estrada, o binário do motor é transferido para as rodas traseiras. Isto significa que mesmo por breves momentos, quando o Mokka X passa sobre um buraco ou uma pequena placa de gelo, a tração adicional que o sistema transfere para o eixo traseiro representa um contributo decisivo para maximizar tração e estabilidade.

O sistema de tração 4x4 está disponível em associação com o motor a gasolina 1.4 Turbo de 140 cv de potência (consumos[1]: urbano 9,3-9,1 l/100 km, extraurbano 6,1-6,0 l/100, misto 7,3-7,1 l/100 km; 167-162 g/km de CO2) e o turbodiesel 1.6 Turbo D de 136 cv (consumos3: urbano 6,3-6,1 l/100 km, extraurbano 5,2-5,0 l/100, misto 5,6-5,4 l/100 km; 146-142 g/km de CO2). Ambos os motores surgem de série com caixa manual de seis velocidades.

Estas são as opções do Mokka X ao nível das motorizações:

  • Motores turbodiesel 1.6 Turbo D em variantes de 110 cv e 136 cv, debitam até 320 Nm de binário (consumos3: urbano 5,6-5,3 l/100 km, extraurbano 4,7-4,5 l/100 km, misto 5,0-4,9 l/100 km; emissões de CO2 ciclo misto 131-127 g/km).
  • Opções a gasolina: motores 1.4 Turbo em versões de 120 e 140 cv (consumos3: urbano 8,2-8,0 l/100 km, extraurbano 5,7-5,4 l/100 km, misto 6,6-6,4 l/100 km; CO2 151-147 g/km).
  • Versão a GPL 1.4 Turbo de 140 cv com caixa manual de seis velocidades (consumos[2] de gasolina: urbano 8,5-8,4 l/100 km, extraurbano 5,6 l/100 km, misto 6,7-6,6 l/100 km, CO2 155-154 g/km; e de GPL: urbano 9,7-9,6 l/100 km, extraurbano 6,6-6,4 l/100 km, misto 7,7-7,6 l/100 km; CO2 139-136 g/km).
  • Caixa automática de seis velocidades disponível para o 1.4 Turbo de 140 cv (consumos3: urbano 8,8-8,6 l/100 km, extraurbano 6,0-5,8 l/100 km, misto 7,0-6,8 l/100 km, CO2 162-157 g/km) e 1.6 Turbo D de 136 cv (consumos3: urbano 7,1-6,8 l/100 km, extraurbano 4,9-4,7 l/100 km, misto 5,7-5,5 l/100 km, CO2 149-143 g/km)

 

Grande parte dos motores do Mokka X - seja com tração dianteira ou 4x4, com transmissão manual ou automática - já cumpre a futura norma de emissões Euro 6d-TEMP.

Segurança: faróis AFL LED e a mais recente câmara dianteira Opel Eye

No desenvolvimento do Mokka X a Opel reforçou o conceito de tornar tecnologia inovadora disponível a uma larga base de pessoas. É assim que surgem neste modelo os novos faróis Adaptive Forward Lighting compostos exclusivamente por LED. O sistema AFL LED ajusta automaticamente os feixes de luz de acordo com as condições de circulação, maximizando a visibilidade a cada momento sem causar encandeamento dos outros utilizadores da via.

Estes faróis possuem nove modos de funcionamento, desde luz de cidade até luz de estrada, e constituem um avanço significativo face aos anteriores AFL+ bi-xénon. Por um lado, a luz de qualidade emitida pelos LED permite que os objetos reflitam a sua cor ‘verdadeira’, beneficiando o conforto visual. Além disso, não existe qualquer operação mecânica nos módulos das lâmpadas, o que torna a reação mais rápida e aumenta a fiabilidade. Finalmente, os LED necessitam de menos energia, pelo que são mais económicos.

Outro componente do Mokka X que melhora a segurança e o conforto é a câmara dianteira Opel Eye, com grande capacidade de processamento de imagens, o que tem reflexos positivos em variadas funções onde a câmara intervém, como a comutação automática de médios/máximos e o sistema AFL LED. Graças a esta câmara e ao apoio que recebe do sistema de navegação, a função de Reconhecimento de Sinais de Trânsito surge consideravelmente melhorada. Outros sistemas como o Alerta de Colisão Dianteira Iminente fazem igualmente uso da câmara. O alerta de colisão possui um avisador luminoso composto por LED vermelhos que são refletidos no para-brisas, que piscam quando a distância para o veículo da frente diminui demasiado rapidamente. Este aviso é acompanhado de um alerta sonoro. Também com recurso à câmara dianteira, o sistema de Alerta de Saída de Faixa é ativado automaticamente a velocidades superiores a 60 km/h e avisa o condutor com um sinal sonoro se o automóvel sair inadvertidamente da faixa de rodagem.

Conectividade e conforto: do mais recente IntelliLink aos bancos ergonómicos

No campo do infoentretenimento, o novo modelo apresenta duas versões da linha mais recente IntelliLink: o Radio R 4.0 IntelliLink e o Navi 900 IntelliLink, com ecrãs táteis que podem chegar até oito polegadas de diagonal. Registe-se que os aparelhos IntelliLink fazem a integração de várias funções de telefones ‘smartphones’ através dos sistemas de projeção Apple CarPlay e Android Auto.

Tal como em muitos modelos Opel, também no Mokka X surge a opção de bancos certificados pelos especialistas alemães em ergonomia da AGR, tornando viagens em autoestrada ou incursões fora de estrada em exercícios que incluem a comodidade. Outro equipamento que facilita realmente a utilização do Mokka X é o sistema ‘Open and Start’ de fechaduras e ignição sem chave. O condutor não necessita de carregar em teclas no comando, bastando manter esse comando consigo, aproximar-se do automóvel e carregar em qualquer das pequenas teclas que existem em cada manípulo de porta para abrir ou fechar as fechaduras. O sistema contempla ainda uma função de fecho automático de todas as portas quando o condutor se afasta com o comando.

 

[1] Valores WLTP convertidos para NEDC para efeitos de comparação

[2] Valores WLTP convertidos para NEDC para efeitos de comparação

  • Contact :
  • Miguel Tomé
    Miguel Tomé
    Diretor de Comunicação e Assuntos Institucionais
    Tel : (+351) 214 407 555
    Mobile : (+351) 214 407 547
    miguel.tome@opel.com
Scroll